Ria de Aveiro

O berbigão e as amêijoas (amêijoa-boa, amêijoa-macha e amêijoa-japonesa) representam as pescarias mais importantes da Ria de Aveiro e destinam-se quase exclusivamente à exportação, principalmente para Espanha.

A presença da amêijoa-japonesa na Ria de Aveiro é conhecida desde 2006 e a partir de 2011 começou a ter uma apanha dirigida. Esta espécie tem-se dispersado ao longo do sistema lagunar desde a sua introdução, mas ocorre com maior abundância nos Canais de Ovar, Mira Ílhavo e Canal Central.

O berbigão é rei

 

Em 2013, o berbigão representava 75% da biomassa de bivalves disponível na Ria de AVeiro.